Marketing nas redes sociais

As redes sociais já provaram ser muito rentáveis para os investimentos em marketing.

Diversas empresas e profissionais colhem os frutos dos seus investimentos nessas plataformas, por isso, cada vez mais se concentram nelas.

Grandes negócios, inclusive, já consideram as redes sociais como principal meio de alcançar novos clientes e impulsionar seus projetos.

As redes sociais abrigam bilhões de pessoas, que as acessam diariamente, e são meios poderosos para encontrar novos públicos, estreitar o relacionamento com os clientes e até mesmo ser uma vitrine on-line.

Neste guia, você aprenderá como iniciar o marketing nas redes sociais. Saiba como começar, o que é necessário e quais são as melhores estratégias para ter sucesso. Confira.

O que é marketing nas redes sociais?

Marketing nas redes sociais (ou mídias sociais) é um conjunto de estratégias que visam contemplar o desejo ou necessidade (dor de mercado) por meio da geração de desejo, oferta e troca de produtos de valor, por meio das plataformas digitais.

De modo prático, é você gerar valor ou promover sua marca, produto ou serviço para potenciais interessados.

Isso pode ocorrer de várias formas, seja por meio de conteúdos gerados por meio de perfis nas redes sociais ou simplesmente anúncios.

Existem várias formas, estratégias e aplicações de marketing para redes sociais. O objetivo mesmo é promover o encontro da solução com o portador da dor de mercado.

Como as redes sociais atualmente concentram bilhões de pessoas, elas são meios vitais para as mais diversas estratégias de marketing.

Além disso, as redes sociais oferecem uma gama de ferramentas e recursos de segmentação de públicos que facilitam a localização de públicos específicos.

Por que fazer marketing nas redes sociais?

As redes sociais já são parte da rotina de bilhões de pessoas no mundo. A maioria delas acordam e a primeira coisa que fazem é checar suas redes sociais. Elas se deitam e a última coisa a fazer é checar as redes sociais.

Então se você quer chamar a atenção, estreitar o relacionamento ou encontrar novos públicos, é nas redes sociais que você encontrará as melhores oportunidades para fazer isso.

Os principais benefícios do marketing nas redes sociais são:

  • A maioria das pessoas passam boa parte do seu tempo lá, então as redes sociais são perfeitas para mostrar o que você oferece a elas.
  • Elas possuem muitas ferramentas e recursos que facilitam localizar públicos e aplicar os mais variados tipos de abordagens aos clientes.
  • Com as redes sociais, é possível estar mais presente no dia a dia de alguém, o que multiplica exponencialmente suas chances de ser procurado quando alguém se interessa.
  • Os custos geralmente são mais baixos, o que permite diminuir a diferença dos grandes concorrentes.
  • Você pode se destacar só com a sua criatividade, o que torna a competição mais justa e leal.

Além destes, existem vários outros benefícios que você pode obter ao integrar as redes sociais em seu planejamento de marketing.

Como começar com o marketing nas mídias sociais?

Para começar, você deve selecionar quais são as redes sociais mais adequadas para o seu objetivo. Existem várias redes sociais, mas nem todas elas são apropriadas para determinadas estratégias.

Isso porque cada rede social possui suas características de criação de conteúdo e públicos. Sendo assim, identificar quais são as melhores redes para o seu projeto é o ponto principal para não desperdiçar tempo e recursos.

A princípio, comece com a seguinte pergunta: “quem é o meu público?”.

Identifique características relacionadas a eles, tais como dados demográficos, gênero, idade, formação, comportamentos, interesses e outros.

Desenvolva a persona do seu público. Isso será de grande ajuda para escolher os melhores canais para atuar.

Após isso, você poderá selecionar as redes com maiores possibilidades de abrigar o seu público.

Um bom início é com a idade, formação e gênero do seu público. Veja o exemplo:

  • Se o seu público é composto por pessoas da geração X e Y, muito provavelmente eles estarão em redes sociais como Facebook e LinkedIn.
  • Se o seu público é composto por pessoas da geração Y e Z, é bem provável que eles sejam usuários de redes sociais como Instagram, Twitter, Pinterest e TikTok.
  • Se o seu público é formado por pessoas da geração Z, então eles provavelmente estarão no Twitter, Instagram e TikTok.
  • Seu público é em grande parte feminino? Bom, neste caso, você tem grandes chances de encontrá-las no Pinterest e Instagram.
  • Seu público é de profissionais e entusiastas? Então você tem boas chances de localizá-los no Facebook e LinkedIn.

Como pode se notar no exemplo acima, cada público é mais concentrado em determinada rede social. Então saber onde eles podem estar o ajudará a produzir conteúdo e criar conexão com eles de forma eficaz.

Como implementar o marketing em minhas redes?

Após descobrir quais são as redes sociais em que você implementa seu marketing, o próximo passo é entender como cada rede funciona.

Atualmente, os algoritmos são o maior desafio dos criadores de conteúdo e influenciadores. Entender como esses algoritmos funcionam é importante para otimizar trabalho e recursos.

De nada adiantará criar conteúdo relevante se você não for capaz de otimizar a estrutura da sua publicação para o algoritmo de modo que ele seja capaz de entregar esse conteúdo às pessoas certas.

Sendo assim, antes de iniciar o marketing nas redes sociais, estude cada algoritmo de cada rede social. Algumas redes possuem mais de um algoritmo, pois cada recurso possui o seu algoritmo individual, é o caso do Instagram, por exemplo.

Basicamente, todas as redes sociais possuem como regra de otimização a inclusão de palavras-chave no texto da publicação e no próprio criativo, além da inclusão de hashtags relacionadas.

Publique com frequência, busque sempre analisar cautelosamente as métricas de cada postagem para avaliar os resultados e obter insights para melhorias futuras.

Considere também a contratação de criadores de conteúdo digital para criar suas mídias e parcerias com influenciadores para divulgações.

Existem vários tipos de influenciadores: nanoinfluenciadores, microinfluenciadores, influenciadores intermediários até os macroinfluenciadores. De acordo com a dimensão do seu público-alvo você pode criar parceria com uma determinada categoria de influenciadores.

Finalmente, considere também a utilização das ferramentas de publicidade e marketing de cada rede social. Redes como o Facebook e Instagram possuem recursos poderosos de construção e segmentação de públicos para anúncios.

Você pode usar essas redes sociais para direcionar campanhas de marketing para determinados públicos com base em suas características, ou fazer remarketing para os clientes já conquistados.

Conclusão

Agora que você sabe como começar a fazer marketing nas redes sociais, é o momento de colocar a “mão na massa” e fazer acontecer.

Vale lembrar que o marketing muda constantemente, pois as principais redes sociais atuais acompanham o fluxo de mudanças provocado pelas tendências que surgem.

Sendo assim, manter-se atualizado é essencial para manter o seu marketing ativo e gerar resultados para o seu negócio. Identifique as tendências, se antecipe aos concorrentes e você sempre estará à frente.

Receba dicas de WordPress grátis!
Receba dicas semanais sobre como otimizar o SEO, a usabilidade e a conversão do seu site WordPress.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.